Monica Vigna

Natural de Montevidéu, nascida em 1961, escreve poesias desde a adolescência, como forma de deságue. Faz da poesia um canal para verbalizar o incômodo e a beleza de viver. Formada Unicamp em Enfermagem e Mestre em Saúde Coletiva, pela USP. Atua como Consultora Técnica do Legislativo, ofício onde a escrita é, também, fundamental. Observadora dos sentimentos próprios e do mundo, seus poemas e anotações representam o olhar de uma mulher, intimistas e contraditórios; alguns eróticos, transitando o pornográfico.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.